Mare Crisium
Mare Crisium

http://www.astrobin.com/full/130721/0/

O Fascinante Mare Crisium
O Mare Crisium é um dos locais mais fáceis de se identificar na Lua. Ele é grande e por si só, não é conectado a nenhum outro mar. Ele na verdade, possui pouco interesse observacional em seu interior a não ser pelas crateras listadas na foto anexa. Mas ao redor do Mare Crisium existem crateras fascinantes de serem observadas, começando com a cratera com parede brilhante Proclus à direita. Com a iluminação da imagem acima, somente uma das suas zonas definidas por raios pode ser vista, além de uns raios um pouco mais apagados depositados no Mare Crisium. A Proclus é uma cratera bem jovem, mas sem data ainda definida, gerada por um impacto oblíquo. Na borda esquerda da imagem acima está uma fascinante cratera com desafios severos para os observadores e para aqueles que desejam fazer uma imagem dela. Crateras com pequenos halos escuros e canais estreitos estão no interior mas são visíveis somente em outras imagens. A melhor oportunidade de se observar a cratera de halo escuro é provavelmente na Lua Cheia quando os hlaos se tornam mais destacados. Uma das crateras favoritas onde se observar tal feição está localizada na porção extrema direita.
Mas o que realmente me chamou atenção nesta foto foram os Promontorium Agarum e Lavinium. Eles se destacaram sobremaneira transmitindo a perfeita sensação de serem montanhas que se erguem nas bordas de Mare Crisium.
Outras montanhas de destaque pode ser vista em toda a circunferência do Crisium e quero chamar atenção para o conjunto de montes situado acima de Lavinium e as montanhas esparsas a esquerda ao fundo de Agarum naquilo que é a borda leste do Crisium.
Fonte: LPOD/Cienctec
Adaptação: Avani Soares
Empilhados 122 frames in AS!2
Mosaico usando o iMerge

topo